quinta-feira, junho 02, 2011

Que tempo bom! Mas falta nele tudo o que me lembro e o completava aqui na cidadezinha: gente, bulícios preguiçosos, um tom diferente desta desolação de ruas vazias, lojas fechadas, e por todo o lado marcas do possidinismo impante e falta de escrúpulos.

Esperemos melhores dias.

2 comentários:

Manel João disse...

Encontrei o seu blogue quando pesquisava sobre a língua portuguesa.

Gostei das suas palavras!

Cumprimentos de Portugal

impensado disse...

Estou em Portugal. Em que outro sítio poderia ter tantas saudades desta terra?
Muito obrigado pelo seu comentário.